Arquivos do Blog

Cegos [ Poesia ]

Talvez tenha que ser assim na solidão da indiferença
no escuro  do ódio
cada ser com sua crença
nas guerras causadas por opinião
os restantes que subam no pódio
aqueles que financiam sua própria ruína
caem como estrelas  no final de sua vida

manifestações com idéias coerentes
algemas da verdade
manifestações contra a ignorância
partidos sem liberdade
palavras não ditas e rimas subentendidas
o mundo de hoje  que polui a inocência

Vencedores correm perdedores planejam a vingança
um mundo onde nada é errado
a  esperança morreu
o povo cresceu antes mesmo de nascer
tudo muito rápido
cegos como  animais de cavernas por opção
em um mundo regado de corrupção

 

Jujupter

Anúncios

Fantasmas da Escuridão [ Poesia ]

No silêncio da madrugada escuto o elevador
os fantasmas  da escuridão o chamam
o medo nos afugenta a verdade os afugenta

Ninguém consegue ve-los
alguns os sentem, outros  da sua existência não acreditam
a verdade obscura nos impede de acha-los

Ando na escuridão sofro com meu pesar
ninguém nunca me vê,  alguns não me conhecem,  outros não fazem questão de o fazer
perdida no mundo dos vivos  o que eu ei de ser ?

 

Jujupter